YOLA VALE | Fragmentos Suspensos: Inquietudes

Quando:
1 Outubro, 2016@12:00 am_3 Janeiro, 2017@12:00 am
2016-10-01T00:00:00+01:00
2017-01-03T00:00:00+00:00
Onde:
Museu de Olaria
R. Cónego Joaquim Gaiolas
4750 Barcelos
Portugal
Custo:
Grátis
YOLA VALE | Fragmentos Suspensos: Inquietudes @ Museu de Olaria | Barcelos | Braga | Portugal

A Sala da Capela do Museu de Olaria recebeu no dia 01 de outubro de 2016 a exposição de cerâmica “Fragmentos Suspensos: Inquietudes” da artista Yola Vale.

Neste seu mais recente trabalho, através de uma série de murais fragmentados, suspensos por delicados fios, a artista explorou os limites da cerâmica, remetendo-nos para o universo da tapeçaria ou da armadura oriental, num constante equilíbrio entre a fragilidade dos fragmentos e a robustez do material.

Os pontos de partida dos trabalhos de Yola Vale são os mais diversos, procurando inspiração nas viagens que realiza ou simplesmente na natureza. Inquieta-se com todos os problemas do mundo atual, refletindo e materializando as suas dúvidas e preocupações no próprio trabalho.

Yola Vale nasce no ano de 1975, em Espinho. Concluiu a licenciatura em Escultura na Universidade das Artes de Coimbra – ARCA|EUAC em 1999, ano em que partiu para Cabo Verde como docente das disciplinas de desenho e geometria descritiva durante dois anos. Em 2001, mudou-se para Proença-a-Nova onde ainda hoje tem o seu atelier. Desde então, tem sido promotora de inúmeros cursos e workshops de cerâmica ao nível da iniciação, modelação, ou murais cerâmicos, dedicando especial atenção à técnica do rakú. Participa regularmente em exposições, simpósios e bienais internacionais e as suas obras estão representadas em diversas coleções públicas e privadas.

 

Documentação